ASSISTA AO VÍDEO E SAIBA O QUE PRETENDEMOS>>>>>>>>>>

@deolhonocrime

SIGA-NOS
(22) 9 9952 3266

 

HOME  |  EMPRESA  |  LOCALIZAÇÃO  |  ABRANGÊNCIA  |  EXPEDIENTE  |  CONTATO  |  ACESSO EMAILS

EDITORIAL  |  OPINIÃO  |  ARQUIVO  |  VÍDEOS  |  GUIAS E MAPAS  |  TEMPO  |  LINKS ÚTEIS  |  NOTICIÁRIO
 

J.C. LESSA DE OLHO NO CRIME
(O Crime e sua História - Fatos Reais)

 

AK 47 - FUZIL DE ASSALTO SOVIÉTICO.

(AVTOMAT  KALASCHIKOV 47)

 

    Nenhuma outra arma se mostrou tão popular quanto o Kalashnikov (AK 47). Nas mãos de tropas regulares, de traficantes ou guerrilheiros, o fuzil tem sido usado em quase todos os conflitos, em diversas partes do mundo, desde os anos 50.

Por J. C. Lessa.

 

     Em 1943, o governo soviético solicitou que os seus projetistas de armas desenvolvessem um novo fuzil de assalto. O novo fuzil deveria utilizar uma nova munição que tivesse um desempenho melhor que as utilizadas na época, a (7.92X57 mm, usada no fuzil Mauser e a .30, usada na carabina M-1)  e tivesse um baixo custo de  produção. Nos anos seguintes, diversos projetos foram apresentados e rejeitados. Em 1946, MIKHIL KALASHINIKOV  - sargento das tropas blindadas soviéticas - apresentou um  projeto (AK-46) que foi aprovado.

      Em 1947, o fuzil projetado por  KALASHINIKOV começou a ser produzido sob a denominação AVTOMAT KALASHNICOV 47(AK-47). Em dezembro de 1949, passou a ser a arma padrão das forças armadas do bloco soviético e de muitos outros países: Bulgária; China; Hungria; Índia; Coréia do Norte; e Romênia, que também passaram a fabricá-lo sob licença. Estima-se que 100 milhões de AK-47 tenham sido produzidos. Não encontramos registros sobre quando o AK-47 - modelo original ­­­­- deixou de ser fabricado pela União Soviética, porém, acredita-se que o mesmo ainda seja  fabricado em muitos países.

     O AK-47 é caracterizado: por ser robusto; de fabricação barata se comparado com outros similares; de operação e manutenção simples; altamente resistente, pois seu funcionamento não é afetado pela água, areia, lama, calor ou frio extremo. Porém, é criticado pelo seu peso e falta de precisão.

     Seu funcionamento se dá de modo similar aos demais fuzis de assalto, pelo aproveitamento indireto dos gases que são desviados da parte posterior do cano até um cilindro montado acima deste, onde pressionam um êmbolo de longo curso que aciona o recuo do ferrolho de trancamento rotativo. O ferrolho desliza sobre dois trilhos na caixa da culatra com uma folga significativa entre as peças móveis e fixas, o que permite que opere com o seu interior saturado de lama ou areia. Dispara munição 7,62 x 39 mm nos modos automático e semiautomático. Seu registro de tiro e segurança é considerado por muitos sua principal desvantagem, não corrigida nos modelos posteriores. É lento e desconfortável, exige esforço extra para operar, especialmente com luvas e, quando acionado, produz um "clique" alto e distinto. Outra desvantagem é a posição do ferrolho, que permanece fechado após o último tiro.

     É alimentado por um carregador tipo cofre metálico bifilar de trinta projéteis, com retém localizado à frente do guarda-mato. Pode também ser equipado com lançador de granadas, montado sob o cano. A versão de coronha dobrável foi desenvolvida para as tropas aerotransportadas e denominadas AKS. Os AKs foram concebidos com baionetas destacáveis do tipo faca, que associada a sua bainha, transforma-se numa tesoura de cortar arames.

 

ESPECIFICAÇÕES:

Peso: descarregado, 3,8 kg e carregado, 4.3 kg; cumprimento total, 870 mm; cumprimento do cano, 415 mm; carregadores: com 20 ou 30 cartuchos, podendo usar os com 75 ou 90 cartuchos da RPK; calibre: 7.62X39; alcance efetivo: 300 metros; sistema de mira: alça regulável e ponto de mira; cadência de tiro: 600 tiros por minuto; velocidade do projétil: 715 m/s;  energia de impacto: 2010 joules (aproximadamente 250 kg); poder de parada (stopping power): 100%; funcionamento: pelo aproveitamento indireto dos gases que são desviados da parte superior do cano. 

     Variantes: AK-47; AK-47/1952; AKS-47; RPK; AKM; AK-74; AK-101 ;AK-103 e AK-107.

 

Fonte:

http://landcombatcb.blogspot.com.br/2011/05/izhmash-kalashnikov-ak-47-maior-lenda.html

http://pt.wikipedia.org/wiki/AK-47

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

RUA VISCONDE DE ITABORAÍ, 294

Parque Aurora - Campos dos Goytacazes - RJ - BR

WWW.JCLESSADEOLHONOCRIME.COM   -   WWW.JCLESSADEOLHONOCRIME.COM.BR

ALL RIGHTS RESERVED - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

(22) 9-9862-3671

 

                 

ATENDIMENTO 7X24 HS - (22) 9-9953-1260 / 9-9913-2742